R --> franchise-predator

Comics: Austronata - Magnetar

E-mail Imprimir PDF
Avaliação do Usuário: / 20
PiorMelhor 

http://www.falerpg.com.br/images/stories/noticias_fale.pngQuem nunca olhou para um céu estrelado e sonhou em desbravar e conhecer suas maravilhas? Séries de Televisão, Livros e filmes como Jornada nas Estrelas, a Hepatologia Guerra nas Estrelas, Contato, Fundação, Crônicas Marcianas e tantas outras obras nos brindaram maravilharam com isso há várias gerações.

Há quase 50 anos que um carismático brasileiro de estranhos cabelos claros, com uniforme engraçado, pilotando uma nave laranjada igual uma bola de golfe vem conseguindo realizar esse sonho.

http://www.falerpg.com.br/images/magnetar/astronauta-magnetar-album-graphic-msp.jpg

Desde sua primeira aparição em 1963, nas tiras de jornais, que ele não parou mais de “ir audaciosamente onde nenhum brasileiro jamais esteve”. Seu nome é Astronauta Pereira (sim, esse é seu nome de batismo!) e seu pai é Maurício de Sousa, o quadrinista que o criou para competir com as tiras de Flash Gordon e Buck Rogers. Em sua mais ousada e arriscada aventura de sua longa jornada o personagem enfrenta um novo desafio: o Público Adulto.

http://www.falerpg.com.br/images/magnetar/astronauta_magnetar_4.jpg

http://www.falerpg.com.br/images/magnetar/35982_210x280.jpgAtravés do selo “Graphic MSP”, uma inciativa que irá reinterpretar os personagens de Maurício de Souza nas mãos de grandes nomes dos quadrinhos brasileiros traz em sua primeira edição a Graphic Novel “Astronauta – Magnetar” com roteiro e arte de Danilo Beyruth(Bando de Dois e Necronauta) e cores de Cris Peter. Vendida nas bancas de jornal e livrarias por 19,90 R$(Brochura) ou 29,90R$(capa dura).

Em sua viagem ao Magnetar, um minúsculo planetoide resultante do colapso de uma estrela, o Astronauta se vê diante de uma odisseia solitária que o leva ao limite entre a sanidade e a loucura o obrigando a repensar toda sua vida e achar uma maneira de sair vivo e voltar para casa.

No lápis de Danilo Beyruth o personagem ganha uma nova roupagem sem perder suas principais características. O flerte com a solidão presente em todo o aventureiro desbravador, além de uma leve arrogância mesclada com a coragem que ele sempre demonstrou ter, a determinação e disciplina, o embasamento filosófico, a saudade de casa (a dor da perda da Ritinha) e os questionamentos sobre a vida que abriu mãos pelo sonho de ir ao espaço estão presentes na obra e trazem  um tom sombrio e humano a  história, tornando assim Astronauta Magnetar uma obra imperdível e candidato a melhor revista em quadrinhos do ano.

http://www.falerpg.com.br/images/magnetar/astron6.jpg

Um leitor mais atento vai encontrar referências a filmes como Alien o 8° Passageiro e 2001 – Uma odisseia no Espaço dentre outras obras de FC. Até mesmo o uniforme original do Astronauta, aquele em forma de ovo, ganha uma homenagem na trama.

http://www.falerpg.com.br/images/magnetar/12896_427808847267722_1314172649_n.jpgMais que uma luta do homem contra a natureza essa obra ganha contornos dignos de  “O Velho e o Mar” de Hemingway ou do filme Silent Running  ao ambientar, em  menos de 80 páginas, o mundo solitário, cheio de riscos e igualmente repleto de belezas no qual um explorador vive. Em um prefácio do navegador Amir Klynk, publicado na 4° capa da revista, é possível fazer a improvável comparação entre um navegador e um astronauta, pois ambos estão sujeitos aos desafios e as recompensas que só homens que arriscam tudo para desbravar o desconhecido encontram.

Muitos leitores de quadrinhos defendem a valorização da produção nacional de HQS, o desejo de ver elementos familiares a nossa cultura nas bancas e sendo consumidos pela população. Para eles e os fãs de boas histórias, além de todo mundo que já sonhou com as estrelas “Astronauta Magnetar” é um item obrigatório na estante. Seja pela sua qualidade que a torna um clássico instantâneo ou pelo preço acessível num mercado onde boas hqs nacionais são encontradas custando muito mais e apenas em livrarias e lojas especializadas.
Que as próximas edições do projeto tragam obras tão inspiradas como essa e estrelas em ascensão  no mesmo calibre de Danilo Beyruth e Cris Peter.

Última atualização em Qua, 05 de Dezembro de 2012 19:36    

Para enviar comentários é necessário estar logado no site. Se você está logado e não consegue enviar um comentário, verifique se você não foi punido com suspensão.

Acesso Rápido

Visitantes

Nós temos 57 visitantes online

Menu de Usuário

Meus Controles